Em teoria, os glaciares avançam e recuam a um ritmo… glaciar. E, agora, estão mesmo a recuar. Mesmo à nossa frente. Quando James Balog fotografou pela primeira vez o glaciar Colúmbia, no Alasca, em 2006, a sua vertente recuara quase 18 quilómetros desde 1980.

Fotografia James Balog

Pesquisar