Arrastada pelas correntes marítimas invernais, uma carcaça de baleia-comum dá à costa em Quarteira.

Este macho juvenil, com dezassete metros de comprimento e vinte e duas toneladas, torna-se uma nova estatística nos arrojamentos de cetáceos cada vez mais frequentes em Portugal.

Fotografia: João Rodrigues

baleia

Descubra uma nova visão do mundo!

Assine a National Geographic.

Pesquisar