anfiteatro bobadela

O estupendo anfiteatro foi alvo de uma campanha de escavação moderna.

Em Bobadela, no concelho de Oliveira do Hospital, encontrou-se o mais bem preservado anfiteatro romano que subsiste em Portugal.

Texto: Paulo Rolão

Bobadela está no mapa da romanização desde os primeiros achados fortuitos do século XIX. A aldeia contém um valor patrimonial único atendendo à escassez da sua área. Concentram-se aqui monumentos arquitectónicos de elevado valor histórico e arqueológico, sem paralelo no resto do país.

No centro da povoação, um arco de volta perfeita de granito correspondia a uma das “portas de entrada” para o fórum e foi mantido in situ. Algumas epígrafes, embora danificadas, dedicadas à “splendidissima Civitas” pela sacerdotisa imperial Julia Modesta, preservam-se na Igreja Matriz e outra inscrição homenageia Neptuno. Uma cabeça colossal representaria certamente um imperador romano (talvez Tibério ou Domiciano), embora não se conheça a identidade devido ao desgaste da peça escultórica.

cidade romana bobadela

O arco monumental.

O anfiteatro romano, no centro da aldeia, é a jóia da coroa. Trata-se de um espaço lúdico para entretenimento da população que apreciava, com grande entusiasmo, este género de espectáculo com jogos e lutas. Os participantes tinham à sua disposição uma arena elíptica de 50 metros por 40 revestida com um pavimento de areão grosso. O anfiteatro romano de Bobadela foi utilizado desde finais do século I d.C. afinais do século IV d.C. como local de lutas de gladiadores. O muro das bancadas que rodeava a arena continha duas entradas, executadas por blocos graníticos e que tinham, como elemento de adorno, uma cornija de duas peças. As bancadas, como era tradicional em contexto provincial, seriam de madeira.

Um Centro Interpretativo recente e implantado no centro da aldeia ajuda a explicar a cidade romana.

Já não há espectáculos nem jogos nem combates em Bobadela – mas há o orgulho indisfarçável de ter o mais completo anfiteatro romano escavado em Portugal.

bobadela

Centro Interpretativo Bobadela Romana  

Rua João Borges de Brito, n.º 1  

Horário: 10h – 13h / 14h – 18h (3.ª feira a domingo) 

Contacto: Tlf.: +238 609 289

Pesquisar